31 de mar de 2016

10 (ótimos) filmes sobre diferenças - Parte II

Continuando a lista que comecei aqui:

6. The Hammer (2010)

O filme conta a história real de Matt Hamill, lutador surdo de UFC, sua criação, seus desafios e sua educação na escola. Bem interessante, bem feito e sem drama exagerado. 
Resenha mais completa sobre o filme, publicada aqui.



7. Gilbert Grape aprendiz de sonhador (1993)


Com ótimos atores, o filme conta a história de Gilbert Grape (Johnny Depp), um adolescente que, desde a morte do pai, é o responsável por sustentar a família. Sua mãe Bonnie (Darlene Cates) sofre de obesidade mórbida desde que entrou em depressão, após o suicídio do marido, o que faz com que o caçula Arnie (Leonardo DiCaprio), um jovem autista, fique sob os cuidados de Grape. 




8. Simples como amar (1999)
A atriz Juliette Lewis, que também está em Gilbert Grape, arrasa no filme "Simples Como Amar". O filme é classificado como uma comédia romântica, mas supera esse rótulo, ao retratar a vida de Carla Tate, uma jovem adulta com deficiência intelectual que luta para ser independente, apesar da superproteção da família. Lindo!


9. I am Sam (Uma lição de amor) (2001)



Se todos os filmes desta lista são bons, eu nem sei classificar o excelente "I am Sam", ou "Uma lição de amor", que teve várias indicações ao Oscar. O filme relata a história de Sam Dawson (Sean Penn) um homem com atraso cognitivo que cria sua filha Lucy (Dakota Fanning) com uma grande ajuda de seus amigos. Porém, assim que faz 7 anos Lucy começa a ultrapassar intelectualmente seu pai, e esta situação chama a atenção de uma assistente social que quer Lucy internada em um orfanato. A partir de então Sam enfrenta um caso virtualmente impossível de ser vencido por ele, contando para isso com a ajuda da advogada Rita Harrison (Michelle Pfeiffer), que aceita o caso como um desafio com seus colegas de profissão. Prepare o lencinho!

10. Como estrelas na Terra (2007)
 O filme indiano "Taare Zameen Par - Como estrelas na Terra" tem como subtítulo: toda criança é especial. Ele mostra a vida de Ishaan, um menino de 9 anos com dislexia e sua dificuldade em ser aceito pela família e escola. Até que um professor aparece e descobre o potencial do menino. Recomendo especialmente para educadores, pois mostra a dislexia de maneira lúdica e bem esclarecedora. 




Nenhum comentário: